quinta-feira, 28 de janeiro de 2021

ESCRITURA CONQUISTADA | Olga Orozco (Argentina, 1920-1999)

 

RETRATO-RELÂMPAGO DE OLGA OROZCO

 


Na poesia de Olga Orozco sonho e memória encarnam abissal perspectiva de infinitos mundos paralelos, que se fundem e mesmo desaparecem aos olhos da realidade, como um ninho de provocações. Um labirinto de dimensões que se abrem e fecham como o olhar de uma pintura que nos desafia a fazer parte dela ou a porta que nos seduz a compartilhar infinitas moradas. Mais do que uma metáfora do precário, o que lemos em Olga é a transmigração do tempo pelos mais acidentados rincões da experiência humana. Iniciática e peregrina, em sua poesia captamos a essência secreta do ser e da linguagem. A definiu bem María Meleck Vivanco, ao dizer que ela elevou seus indulgentes olhos claros a zonas do espanto que erguem uma figura do olimpo […] sacrificando no deleite sua forma de lua matizada, de maga nos jardins da cabala, com seu exercício suspirante de respiração. Sua biografia a encontra intensamente dedicada à criação poética. Embora tenha mantido boas relações de amizade com alguns surrealistas argentinos, jamais aderiu ao movimento, no que pesem ainda as diversas analogias possíveis entre sua lírica e o Surrealismo. Ela mesma dirá: Ainda que eu não seja uma surrealista ortodoxa, creio que há elementos em comum: o predomínio do imaginário, buscas subconscientes, o fluir das imagens, a imersão no onírico e no fundo de si mesmo como canteiro de sabedoria, a crença em uma realidade sem limites, muito além de toda aparência e de toda superfície e a avidez de captar essa realidade por inteiro em todos os seus planos. 



*****

Escritura Conquistada – Poesía Hispanoamericana reúne ensayos, entrevistas, encuestas y prólogos de libros firmados por Floriano Martins, además de muestra parcial de su correspondencia pasiva.

*****



*****

 


 


 





 


 


 





 


 


 



 


 - Escritura Conquistada - Poesía Hispanoamericana -

Floriano Martins

ARC Edições | Agulha Revista de Cultura

Fortaleza CE Brasil 2021



Nenhum comentário:

Postar um comentário